sexta-feira, 7 de novembro de 2014

Até a próxima...

eu te amo
e sempre penso em você
você não me ama
e não pensa em mim
uma verdadeira pena
mas é como diz
é preciso chegar no fundo do poço
pegar tudo de tudo
pra então poder se reerguer
e agora eu não quero mais...
acho que precisava
com certeza precisava disso
fazer tudo o que estava ao meu alcance
e então acordar
levantar
e seguir em frente
e é o que farei
com a alma lavada
e com o coração leve
pela primeira vez em anos
em quatro anos
me sinto livre
pra fazer o que bem entender
pela primeira vez
estou me sentindo realmente disposta
a recomeçar
a conhecer
a me aventurar
estou me sentindo tão bem...
tão feliz...
tão...
livre!
Não deu,
eu sei,
não te culpo,
mas é hora de prosseguir
então sejamos felizes
porque a vida é curta
e eu quero aproveitar a minha
a cada instante!!

Beijos, beijos meu querido
até a próxima esquina da vida;

Maria Amélia

Nenhum comentário:

Postar um comentário