terça-feira, 18 de setembro de 2012

Toda sua paciência

Não é fácil me amar,
Eu não sou fácil
Todas as coisas complicadas em mim
As coisas que você tem que demonstrar
Meu humor sempre mudando
Meu ódio te fazendo sangrar
E você não sabe nada mais sobre mim
Toda sua paciência
Impressiona pela verdade
Tudo que eu te faço suportar
Não é nem metade
Das coisas que posso dizer
Mas você sabe como me salvar
Das piores coisas em mim
E é por isso que faz parte
Parte de mim mesmo
“Você nunca me pergunta” por quê?”estou assim
Porque quando eu começo a desmoronar
Você vem me abraçar
E já não é tão ruim
Você é uma parte do tempo
E é a melhor dela
Nunca minha e nunca sem ser
Você é como uma parte de mim mesmo.

Leonardo Ragacini


Nenhum comentário:

Postar um comentário