domingo, 14 de novembro de 2010

A Bela Adormecida Na Varanda

Eu flutuo e balanço enquanto navego
À Terra do sonho cheia de luz,
Esqueço as coisas, e vejo a varanda.

O sonho é agradável e acolhedor,
O gato ao meu lado continua dormindo,
O Príncipe não beijou a princesa,
Mas ainda vai beijar.

Eu flutuo em meu sonho,
Cheio de luz, doce e suave.
Esqueço todas as preocupações,
E vou para a varanda.

O sonho é agradável e acolhedor,
O gato ao meu lado continua dormindo,
Eu não sou mais feliz porque a princesa
Está perdida no país da maravilhas.

Eu flutuo e balanço em meu sonho,
Um sonho alegre e feliz
Você pode ver, mas nunca perturbar,
Enquanto a princesa continuar na varanda.

Eu flutuo e balanço no meu ritmo,
A estrada cheia de ladrilhos,
Tudo que eu quero é continuar sonhando
Chegando na varanda da princesa.

Lucas de Figueiredo

Puramente verdade, essas vontades que vem... repentinamente

J.H.C


Nenhum comentário:

Postar um comentário