quinta-feira, 20 de março de 2014

Me ajude

Eu sempre neguei esse sentimento
sempre neguei mostrar os meus sentimentos para as pessoas
eu sempre achei fraqueza ver os outros chorando na frente de outros
sempre achei absurdo os desabafos
ninguém tem nada a ver com isso
e eu sempre transformei a minha dor em poesia
uma poesia pobre e ridícula
mas lê quem quer, não fico enchendo alheios
mas está doendo
estou precisando desabafar
estou precisando chorar
estou precisando demonstrar todo esse sentimento
toda essa dor
preciso compartilhá-la com alguém
estou morrendo
estou sangrando
por favor me ajude
eu preciso...
esse sentimento está me matando
por favor...
me ajude!

Jéssica Curto

2 comentários:

  1. A poesia não é pobre nem ridícula. É, sim, forte, verdadeira e corajosa. Parabéns pelos versos, Jéssica.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Momentos de fúria dentro da poesia rsrs.

      Que bom que gostou Sergio ^_^

      Beijos!!

      Excluir