quarta-feira, 19 de dezembro de 2012

De longe...

E eu te observo de longe, bato palmas pelo seu sucesso, torço para o seu bem, sempre de longe, sempre afastado, você não sabe, não tem ideia, mas eu estou aqui, por escolha própria escolhi a solidão, não o caminho mais fácil, mas sim o mais sinuoso possível, para que no final, tenha valido a pena...

Fernando Martins


Nenhum comentário:

Postar um comentário