segunda-feira, 10 de setembro de 2012

Sai de mim!

Borboletas estomacais, dor no coração
Falta de ar, hipertensão.
Tremedeira, desilusão,
Preocupação.

Os dedos são roídos,
Os braços, contorcidos,
O pensamento é focado numa só direção
E daí origina-se nossa querida, preocupação.

Não dá para se concentrar,
Os problemas pairam no ar
As nuvens sufocam-me
Banem-me de meu juízo
Não dá pra evitar
E diante de tudo isso
É necessário se acalmar.

Problemas resolvidos,
A nuvem dissipa-se
A conclusão apresenta-se
E tudo volta como está
Preocupação sai de mim
Pois preciso me acalmar!

Lucas de Figueiredo

4 comentários:

  1. Your Blog posts are good.

    Thanks
    DeepthiKranthikumar
    www.mostlikedquotes.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Thank you, glad you're enjoying it! ^ _ ^

    ResponderExcluir
  3. Sai deste corpo que não te´pertence...
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  4. Sim, é verdade Rose, as vezes algumas coisas deveriam sair do corpo pois só atrapalham rsrs.
    Beijocas

    ResponderExcluir