quarta-feira, 22 de agosto de 2012

Quando estou sozinho

Somente eu e meus pensamentos
Ando por meus caminhos
Penso em meus segredos
Coisas que jamais contaria
A alguém sem confiança
Amor que tenho enchido de dúvidas
Guardo tudo pra mim
Salvo tudo aqui comigo
Muitas vezes eu erro
Preciso às vezes ficar sozinho
Deitar em meus travesseiros
Sem ver nada ao redor
Dizer às coisas que confundem
Nem sempre posso dizer amor
Vivo pra você, você sabe
Às vezes preciso de meus segredos
Entendo que você queira ser
Como as páginas de um diário
Nem sempre posso me apegar
Contar sobre tudo.

Leonardo Ragacini


Nenhum comentário:

Postar um comentário