domingo, 8 de julho de 2012

No esconderijo

Guardo em segredo
Quarto e cheiro
Detalhes implacáveis
Chocolate, perfume e pele
Boca, língua, gosto
Guardo e reconstruo
O amor que um dia mandei embora
Vejo o que bem aqui encontrei
Tudo em seu lugar
Esperando você voltar
Embora não seja maduro
Não tenho vivido
Todas as possibilidades
Vivido seu amor implacável
Não sou perfeito
Cama, banho e eu
Não peço nada pra mim
Por você faço de tudo
Aqui olhando o passado
Nos fatos refutáveis
Entre sonhos e planos
Guardo na estante o tempo.

Leonardo Ragacini

Nenhum comentário:

Postar um comentário