sexta-feira, 21 de janeiro de 2011

Liberte-se!

Liberte-se. Fuja dos problemas por um minuto sequer, esqueça suas preocupações e releve todas as obrigações que você precisa fazer por, pelo menos, um minuto. Sinta a vibração de uma vida sem problemas, sem preocupações nem obrigações. Pule, cante, dance, grite, corra, deite, viva! Perceba, afinal, que a vida é extremamente curta para ser destinada somente às coisas que você obrigatoriamente tem de fazer. Reserve um tempo para você, curta as coisas ao seu tempo, do seu modo, do seu jeito. Esqueça os preconceitos, as diferenças, as culturas opostas, os olhares controversos, as conversas mal-executadas. Faça de sua vida um momento bom para viver. Saia com os amigos, dê risadas, coma besteiras, faça de todos os momentos os mais inesquecíveis. Abrace seus pais, converse com sua família, abra o seu coração, aproveite todos os segundos possíveis com as pessoas que você ama. Revele-se para o amor da sua vida. Atravesse distâncias por amor.
Sabe a historinha de plantar uma árvore? Faça isso, sustentabilize o mundo para o futuro daqueles que terão, no mínimo, o seu minuto de "fugir dos problemas, esquecer as preocupações e relevar todas as obrigações". E a de escrever um livro? Não se preocupe em, obrigatoriamente, escrever um livro. Já não te falei que é para esquecer as obrigações? Viva todos os momentos de forma intensa e duradoura, faça os outros felizes, porque não serão páginas de um livro que farão você lembrar de todos os momentos bons que passou, e sim aquilo que ficou guardado na sua mente... No seu coração.
Por último, faça um pedido. Fez? É hora de viver. Liberte-se!

Pietro T.

Nenhum comentário:

Postar um comentário