domingo, 23 de janeiro de 2011

Amigo da Amizade


Ah, a amizade...
Falar de amizade é - no meu caso - ser bastante imparcial. Isto porque eu valorizo-a de uma forma intensa, coloco-a como uma das minhas prioridades na vida. Tá, pode parecer exagerado ou coisa do tipo... É a minha opinião. Coloco-a num patamar extremamente elevado, porque acredito que amigos são ótimos alicerces para manter uma pessoa erguida mesmo quando ela não tem mais condições de ficar em pé.
As pessoas tem o condão de valorizar um amigo somente na hora que precisam, ignorando o fato de que ele também precisa delas quando elas não precisam deles. As pessoas precisam aprender que amigos não são como conselheiros "sem-vida", que estarão sempre ali para erguê-las quando elas estão caindo. Cuidado... Talvez no dia em que você precisar de um amigo para te levantar, ele também poderá estar caído, e quem irá te levantar? Esteja pronto para levantar um amigo caído mesmo quando você também estiver caído.
Um amigo é mais do que um título que você cria para compartilhar com as outras pessoas, somente para dizer "Este é meu amigo" , criando a falsa imagem, para os outros, de alguém que você (supostamente) compartilha pensamentos, ideias, planos, segredos, suposições, enfim... Não é necessário mostrar para todo mundo que você tem um amigo, até porque muitas coisas externas podem afetar - e muito - a amizade entre vocês, e isso é totalmente o contrário do que você deseja, não acha?
Você já teve um amigo? Já teve alguém para ouvir tudo aquilo que você queria contar? Ou melhor: já sentiu confiança plena em alguém? Confiaria sua vida a essa pessoa? Defenderia-a com todas as suas forças? Se sim, parabéns, você já teve o prazer de ter um amigo. Mas uma coisa é certa: se você nunca perdeu um amigo, faça de tudo para que isso não aconteça. Você pode parecer forte, no começo, mas depois a situação fica cada vez mais estreita, você sente como se estivesse perdendo tudo. É o famoso "como se estivessem arrancado um pedaço de mim". Pode ter certeza que é assim (experiência própria).
Ter um amigo não é somente ter um número de telefone para ligar e chamar aquela pessoa para ir à balada. Valorize as amizades como coisas essenciais da sua vida. Valorize até aquele garoto ou garota da sua sala que fala pouco com você mas te considera muito na vida dele. Pode ser que você ignore isso agora, mas acredite: se acontecer algo negativo, você dificilmente discordará de mim. Boa noite.

Pietro T.

Nenhum comentário:

Postar um comentário